Um blog do Travellerspoint

Qual percurso? O mais longo, é claro!

overcast 5 °C
Visualizar Europa 2010 no mapa de viagens de guilherme.

Alugamos duas bikes, pegamos o mapa com algumas trilhas e roteiros sugeridos e decidimos explorar a cidade e os arredores sobre duas rodas. Entre as varias opções, escolhemos aquela com destino a praia e, por coincidencia, a mais longa: uma trilha de 40 km no total ("claro, só um pouco mais do que já fazemos normalmente!").

IMG_5909.jpgIMG_5914.jpgIMG_5915.jpg

Depois de dar algumas voltas, descobrimos que o percurso estava marcado com placas verdes espalhadas pelo caminho. O ponto inicial era o portal medieval, de onde saimos para explorar os arredores.
Saimos da zona urbana, passamos por moinhos, contornamos o rio.

“Onde estao as plaquinhas verdes?”
“Acho que deveriamos ter pego o outro lado da margem...”

IMG_5919.jpgIMG_5923.jpgIMG_5932.jpg

Voltamos ate a ponte, pegando a primeira subida do percurso. De la entramos na zona rural da cidade, plantaçoes, criaçoes, fazendas belgas; Na primeira pausa para alongar foi que percebi que a bicicleta tinha marchas. Mesmo assim creio que meu preparo fisico nao estava tao bom quanto pensava.

IMG_5937.jpg
IMG_5938.jpgIMG_5940.jpgIMG_5943.jpg

Pedalar contra o vento nem sempre e uma tarefa facil. Mais trilhas, mais paisagens, uma vila aqui, outra ali, cruzando fronteiras entre Bruges e cidades vizinhas. O vento do mar do Norte realmente impedia o nosso progresso e tornou o trajeto bem mais difícil. Além disso, o vento estava congelante, por isso não podiamos parar por muito tempo para descansar.

IMG_5946.jpgIMG_5952.jpgIMG_5953.jpgIMG_5959.jpgIMG_5961.jpgIMG_5963.jpgIMG_5968.jpgIMG_5975.jpgIMG_5986.jpgIMG_5994.jpgIMG_6002.jpg

Depois de muito pedalar, finalmente chegamos ao ponto no mapa onde teoricamente veriamos a praia, porem onde ela estava? Saimos da nossa rota para pedalar um pouco mais a destino do mar. Umas embarcaçoes vistas de longe eram um bom sinal. Entramos na cidade de Blankenberge.... e fomos ate a praia.

IMG_6012.jpgIMG_6017.jpg

Ceu cinza, mar cinza, areia voando para todos os lados e muito, muito frio. Paramos para pegar um waffle na beira da praia e quase congelamos. Vamos voltar!

IMG_6018.jpgIMG_6022.jpgIMG_6023.jpgIMG_6032.jpgIMG_6039.jpgIMG_6050.jpgIMG_6060.jpgIMG_6070.jpg

No caminho de volta outro percurso, alguns lugares sem sinalizaçao que fizeram com que tivessemos que voltar alguns percursos. Trilhas lindas. Vilarejos mais bonitos ainda. Mas muito frio e muito cansaço. Após quase 50km e mais de 7 horas depois, chegamos de volta com as luzes da bicicleta acesa, pois ja era noite na cidade.

IMG_6075.jpgIMG_6083.jpg

Para terminar o dia, um delicioso jantar no restaurante medieval do Hostel com direito a sopa do dia, croquete de queijo e pizza. Resta a vontade de fazer as outras trilhas – de preferencia as menores, e nao agora...

Publicado por guilherme 21:51 Arquivado em Bélgica Tagged backpacking

Envie por email este textoFacebookStumbleUpon

Índice

Seja o primeiro a incluir um comentário sobre este texto.

Comments on this blog entry are now closed to non-Travellerspoint members. You can still leave a comment if you are a member of Travellerspoint.

Informe abaixo os detalhes da sua conta no Travellerspoint

( O que é isso? )

Se você não é ainda um membro do Travellerspoint, inscreva-se grátis.

Inscreva-se no Travellerspoint